quarta-feira, 13 de Outubro de 2010

O que é ser Cientista?

Fig. 1 - Charles Robert Darwin, 1809-1882.

Na Noite dos Investigadores de 2010 desafiámos o público a dizer-nos... O que é ser Cientista?

Fig.2 - Louis Pasteur, 1822-1895.

Mural - Categoria 1: Crianças até 10 anos
“Ser cientista é descobrir as coisas que não sabemos o significado e saber porquê”
“Ser cientista é descobrir coisas raras e fazer experiências”
“Acho que deve ser divertido descobrir o que está debaixo dos nossos pés”

Fig.3 - Marie Curie, 1867-1934.

Mural - Categoria 2: Jovens dos 10 aos 18 anos
“É uma profissão normal!”
“É uma busca incessante de entender a ordem natural da matéria e da vida. É ser capaz de descrever o universo por leis da harmonia matemática”
“Ser cientista é viver numa busca incansável do porquê e do como de tudo ao seu redor!”
“É ser um descobridor e assegurar a sobrevivência”
“Ser cientista é procurar explicações para tudo, “nunca” descansar pois nada é fixo”
“Ser cientista é desvendar o mundo para ajudar as pessoas”
“Ser cientista é descobrir, inovar, evoluir…”
“Ser cientista é assegurar a sobrevivência da raça humana”
“Ser cientista envolve muito trabalho e esforço, tanto a nível social como pessoal, isto é, implica abdicar de “uma vida” com o intuito de beneficiar a Humanidade”
“Ser cientista é descobrir, criar e inovar. É inventar, mudar e construir”

Fig.4 - Albert Einstein, 1879-1955.

Mural - Categoria 3: Adultos, a partir dos 18 anos

“Ser cientista é ser fã da descoberta, da curiosidade, do assombro e da magia”
“Ser cientista é ir mais além”
“… é procurar para encontrar”
“… é descobrir o futuro, melhorar o ambiente, a qualidade de vida e a saúde. Ser cientista é cientificar”
“Ser cientista é ver coisas onde elas parecem não estar à primeira vista”
“Ser cientista é acreditar para depois ver”
“Ser cientista é procurar, observar, reflectir, pensar, é querer saber, ser paciente, explorar a natureza e usar a mente”
“… é tornar verdade o desconhecido”
“Ser cientista é… ser estudante até morrer”
“Ser cientista é… estudar novas formas de nos adaptarmos e compreendermos a realidade”


Fig.5 - Steven Hawking, 1942 - .

Sem comentários: